Para podermos utilizar os recursos em 2019 já no início da temporada, em março, temos a meta de captar o total do projeto até 30 de dezembro 2018

  1. 1.Dados do projeto

Processo no Ministério do Esporte: 58000.011086/2018-13

Proponente: Pasteur Athlétique Club

Título: PAC juvenil 2018

Registro: 02SP130192013

Manifestação Desportiva: Desporto educacional

Valor autorizado para captação: R$ 431.156,93

  1. 2.Como funciona a Lei de Incentivo ao Esporte Federal?

A Lei de Incentivo ao Esporte Federal permite as pessoas físicas destinarem parte do seu imposto de renda IRPF para projetos de esporte aprovados pelo Ministério do Esporte

  1. 3.Quanto posso destinar do meu IRPF para projetos aprovados?

Para pessoas físicas que fazem a declaração completa, é permitido destinar até 6% do imposto anual.

Por exemplo, se você tiver um IRPF anual de 50.000 R$, você pode contribuir até 3.000 R$.

  1. 4.Como faço para pagar a contribuição?

É só fazer o crédito do valor na conta vinculada ao projeto no Banco do Brasil.

Na publicação do projeto aprovado (disponível no link abaixo), o Ministério do Esporte abriu uma conta em nome  do DESPORTO NACIONAL com o CNPJ do Pasteur Athlétique Club. Esta conta ficará com os recursos bloqueados para saques até a liberação do Ministério.

  1. 5.Em que conta devo depositar os recursos destinados ao projeto?

Os recursos devem ser creditados na conta abaixo:

DESPORTO NACIONAL  | CNPJ 47.468.210/0001-72 (Pasteur Athlétique Club)

Banco do Brasil | Agência 6805-5 |Conta Corrente 39014-3

  1. 6.Que documento receberei para incluir esta contribuição como imposto recolhido?

O Pasteur emitirá no site do Ministério do Esporte um recibo que servirá para você como comprovante de DOAÇÃO (Patrocinador do esporte) que pode ser abatido do imposto a pagar no momento de preencher a sua guia de recolhimento de IRPF e na declaração de ajuste em abril 2019.

7.Posso abater a contribuição feita ao projeto em dezembro 2018 do IRPF retido na fonte (ou do carnê Leão) referente ao mês de dezembro 2018?

Sim. A contribuição feita para o projeto é uma doação que pode ser deduzida do imposto a pagar